Amazon abre seu primeiro centro de distribuição no Ceará

·2 min de leitura
(Photo by Ronny Hartmann/AFP via Getty Images)
(Photo by Ronny Hartmann/AFP via Getty Images)
  • Primeiro no Ceará e terceiro no Nordeste, abertura do CD revela importância da região para a multinacional

  • Estima-se que sejam gerados cerca de 400 vagas diretas e indiretas

  • Para Camilo Santana (PT), abertura de novo CD é indicativo das melhorias realizadas no polo logístico do estado

Nesta quinta-feira a Amazon anunciou a abertura de seu mais novo Centro de Distribuição (CD) no país. Localizado em Itaitinga, região metropolitana de Fortaleza no Ceará, este será o primeiro Centro do estado e o terceiro na região Nordeste. Para Ricardo Pagani, diretor de operações da Amazon no Brasil, o novo CD irá agilizar as entregas na região, além de ampliar o portfólio de produtos oferecidos.

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), se mostrou favorável ao empreendimento da multinacional. A estimativa é que com o início das operações, cerca de 400 vagas diretas e indiretas sejam criadas na região. Somam-se a isso as centenas de oportunidades temporárias que os eventos de fim de ano, como Black Friday e Natal, devem gerar. De acordo com a política de inclusão e diversidade da Amazon, 50% destas vagas serão reservadas para candidatas mulheres.

Leia também:

"A chegada da Amazon, que está iniciando sua operação no município de Itaitinga, reflete a ampliação de nosso polo logístico regional e, a partir desta nova operação, serão gerados novos empregos e oportunidades para os cidadãos cearenses", diz Santana.

Com o novo CD, a Amazon pretende fazer do Ceará um de seus principais pontos de distribuição de produtos no Norte e no Nordeste. "O intuito da nova operação é aumentar a capilaridade logística da empresa no Brasil, melhorando a experiência dos clientes, por meio da maior quantidade e proximidade dos produtos na região", informou a empresa.

Recentemente a Amazon também abriu o seu segundo Centro de Distribuição em Cabo de Santo Agostinho, no estado de Pernambuco, ressaltando a importância da região em seus planos de expansão no país.

"O Nordeste é uma região de extrema importância para a Amazon, tanto que estamos inaugurando a nossa segunda operação em Pernambuco. Nosso intuito é aumentar a capacidade logística da empresa no País, aumentando a variedade e aproximando os produtos comercializados, melhorando a experiência dos clientes e reduzindo o tempo de entrega em nível nacional, além de gerar emprego e renda para as comunidades em que atuamos", diz Pagani.

Atualmente a Amazon conta com 12 Centros no país: cinco em Cajamar (SP), um em São João de Meriti (RJ), um em Betim (MG), dois Cabo de Santo Agostinho (PE), um em Itaitinga (CE), um em Santa Maria (DF) e um em Nova Santa Rita (RS).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos