Amber Heard sobre julgamento contra Johnny Depp: "Nada será bom o suficiente"

Amber Heard comenta julgamento contra Johnny Depp:
Amber Heard comenta julgamento contra Johnny Depp: "Nada será bom o suficiente" (Foto: Evelyn Hockstein/Pool via AP)

Amber Heard deu a primeira entrevista após ser considerada culpada no julgamento de difamação contra o ex-marido, Johnny Depp. Além de afirmar ter medo de ser processada novamente pelo ator, a atriz de "Aquaman" falou como se sentiu com a repercussão ao denunciar o que teria vivido na época de seu casamento.

"O que aprendi neste julgamento é que nada será bom o suficiente. Se você tem provas, então foi um esquema, uma farsa. Se não tiver provas, não aconteceu. Se você tem um hematoma, é falso. Se você não tem uma contusão, então a violência claramente não te machucou. Você contou para as pessoas? Então você está histérica. Você não contou? Não aconteceu", declarou a atriz ao programa Dateline, do canal NBC.

Ela também disse esperar que as pessoas a "vejam como um ser humano": "Eu não sou uma boa vítima, eu entendo. Não sou uma vítima simpática. Eu não sou uma vítima perfeita, eu entendo. Eu não sou uma santa. Não estou pedindo para ninguém gostar de mim", acrescentou Amber.

Questionada sobre a ausência de mulheres depondo contra Johnny Depp durante o julgamento - a modelo Kate Moss, ex-namorada do ator, testemunhou a favor dele -, a atriz questionou: "Olha o que aconteceu comigo quando eu denunciei. Você denunciaria?".

Entenda o polêmico caso de Johnny Depp e Amber Heard

Johnny Depp processou Amber Heard por difamação em um processo de US$ 50 milhões. A ação foi motivada por um artigo que ela escreveu para o "The Washington Post" em 2018, no qual se descreveu como uma "figura pública que representa abuso doméstico".

Embora Depp não tenha sido citado no artigo, o astro afirmou que isso lhe custou papéis lucrativos no cinema. Heard, então, contra-processou o ex-marido, com um pedido de US$ 100 milhões por causa das declarações que o advogado dele fez sobre suas alegações de abuso.

O ator ganhou a ação contra a ex-esposa no Tribunal do Condado de Fairfax, no Estado norte-americano da Virgínia após o júri considerar que a atriz difamou o ex-marido. Depp não estava presente no tribunal e assistiu à decisão por vídeo, da Inglaterra, onde está para fazer um show com Jeff Beck. Amber Heard presenciou a decisão no tribunal.

Embora Heard tenha saído perdendo, o júri também condenou Depp por difamação. O valor que deverá ser pago pela atriz, no entanto, é muito maior. "A decepção que eu sinto hoje vai além das palavras", desabafou a atriz após o veredito.

O casal se conheceu em 2011 enquanto filmava "Diário de um Jornalista Bêbado", e se casou em 2015. O divórcio foi finalizado cerca de dois anos depois.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos