Americanas não anunciou que vai fechar; entenda como funciona a recuperação judicial

Um vídeo sobre a saída circula fora de contexto para espalhar a informação falsa

Nas redes, publicações espalham que Lojas Americanas teria anunciado o encerramento das atividades, mas informação é falsa (Foto: Getty Images)
Nas redes, publicações espalham que Lojas Americanas teria anunciado o encerramento das atividades, mas informação é falsa (Foto: Getty Images)

Nas redes sociais, o trecho de um programa da CNN sobre a Lojas Americanas circula fora de contexto, entenda o que usuários têm espalhado nas redes:

  • Que após a descoberta do rombo de R$ 20 bilhões, a empresa teria anunciado que vai fechar as portas

  • No vídeo que circula, a jornalista supostamente anuncia que a Americanas "anunciou ontem à noite que está indo embora"

Mas essa informação é falsa. O vídeo da CNN foi cortado e retirado de contexto para espalhar a informação. No trecho original, a jornalista se referia à saída do presidente da empresa. A loja já comunicou que até então não pretende encerrar as atividades.

Captura de tela de publicação que alega que governo Lula teria anunciado socorro a Lojas Americanas após rombo de R$ 20 bilhões (Foto: Reprodução / TikTok)
Captura de tela de publicação que alega que governo Lula teria anunciado socorro a Lojas Americanas após rombo de R$ 20 bilhões (Foto: Reprodução / TikTok)

A Americanas anunciou seu fechamento?

Uma busca no YouTube por um trecho da fala viral da jornalista direcionou ao vídeo do programa CNN Mercado.

No trecho completo, ela se referia à saída do presidente da Americanas e não ao fechamento das lojas:

"Não durou nem dez dias a presença de Sérgio Rial na presidência da empresa depois de ser celebrado pela sua chegada na Varejista real anunciou ontem à noite que está indo embora porque descobriu um rombo de 20 bilhões de reais no balanço da companhia", disse ela.

Em seu site, a Americanas publicou um comunicado, anunciando que:

  • A relação da loja com os clientes permanecerá igual

  • Seguirá funcionando com suas lojas, site e aplicativo

  • Entrou com um pedido de recuperação judicial

Como funciona a recuperação judicial?

Esse processo é uma solução jurídica que pode ser utilizada por empresas para evitar a falência. Isso significa que ao entrar com o pedido, a empresa pode:

  • Suspender e renegociar parte de suas dívidas

  • Seguir com o funcionamento das atividades

Por isso, a entrada com o pedido de recuperação judicial não quer dizer que a empresa fechará as portas, pelo contrário, a medida busca evitar esse desfecho. Para entender melhor sobre o processo de recuperação judicial da Americanas, leia esta reportagem.

O Yahoo! Notícias também verificou outro boato envolvendo a Lojas Americanas e uma suposta ajuda financeira do governo, confira aqui.

Conteúdo semelhante foi analisado pela Reuters Fact Check.