Update privacy choices
Notícias

Bolsonaro diz que apresentadora do JN deveria procurar o MP sobre questão salarial

Yahoo Notícias
Bolsonaro e Renata Vasconcellos tem embate tenso no Jornal Nacional. Reprodução/TV Globo

O candidato do PSL à Presidência Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira (29) que sua participação no Jornal Nacional rendeu uma exposição melhor que o esperado. “Mas quem vai analisar a entrevista é quem assistiu. A Renata Vasconcellos que deve procurar o MP (Ministério Público para denunciar esta questão do salário”, ironizou, sobre o embate que teve com a apresentadora.

Durante a entrevista na noite desta terça-feira, Bolsonaro e a âncora do JN tiveram um embate tensoO presidenciável foi questionado pela jornalista sobre declarações anteriores em que minimizou a importância da desigualdade salarial entre homens e mulheres.

LEIA MAIS:

Erros e acertos de Jair Bolsonaro no Jornal Nacional e no Jornal das 10

Bolsonaro diz que policial que mata tem que ser condecorado

Com placar empatado, Moraes pede vista e STF adia decisão sobre tornar Bolsonaro réu

Bolsonaro disse que cabe à Justiça resolver a diferença salarial entre homens e mulheres. Ele repetiu que a equiparação salarial é garantida pela CLT, mesmo quando foi indagado sobre pesquisa do IBGE que aponta que as mulheres recebem, em média 25%, menos que os homens.

O candidato levantou a questão de Renata supostamente receber menos que William Bonner apesar de ambos serem âncoras do jornal:

“Temos aqui uma senhora e um senhor, não sei ao certo, mas com toda certeza há uma diferença salarial aqui, parece que é muito maior pra ele que para a senhora”. Renata negou que o foco fosse ela:

“Eu poderia até como cidadã e como qualquer cidadão brasileiro fazer questionamentos sobre seus proventos porque o senhor é um funcionário público há 27 anos e eu, como contribuinte, ajudo a pagar o seu salário. O meu salário não diz respeito a ninguém e eu posso garantir ao senhor, como mulher, que eu jamais aceitaria receber um salário menor de um homem que exercesse as mesmas funções e atribuições que eu”. O candidato retrucou que a Globo recebe milhões de propaganda oficial.

Apesar de ambos os jornalistas exercerem a função de apresentadores do jornal, Renata Vasconcellos é editora-executiva e Bonner é editor-chefe, cargos hierarquicamente diferentes.

RENATA É ATACADA NA WEB POR APOIADORES DO POLÍTICO

Após rebater o candidato do PSL, a jornalista começou a ser atacada nas redes sociais. “Ridícula. Quer ganhar fama em cima dos outros, ninguém te conhecia até ontem”, escreveu um usuário do Instagram na página da jornalista. Um outro chamou Renata de “mentirosa”.

No entanto, entre os comentários, também houve quem defendesse a jornalista. “Você foi brilhante”, “Rainha” e “Maravilhosa” foram alguma das mensagens.

547 Reações

Leia também