Update privacy choices
Notícias

Meirelles ataca Bolsonaro: "Quantos empregos criou além do da Wal?"

Yahoo Notícias
Paulo Whitaker/Reuters

Candidato à presidência do MDB, Henrique Meirelles desferiu críticas ao presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro, por meio de vídeo divulgado em redes sociais. Nas imagens, o ex-ministro da Fazenda alfineta o adversário na disputa pelo Planalto pela suposta falta de conhecimento em economia e ainda menciona o caso de dona Walderice, apontada como funcionária fantasma do gabinete do deputado federal e alvo de polêmicas recentes envolvendo o general da reserva.

“Bolsonaro, que você não conhece nada de economia todo mundo já sabe. O que é novidade, é você não saber olhar no Google. Eu tenho dez anos de vida pública e 33 anos de trabalho em empresas. Não tenho nenhum processo”, inicia o emedebista.

Saiba mais:
Boulos acusa Bolsonaro de covardia por ter demitido Wal
Bolsonaro emprega servidora fantasma que vende açaí no RJ
Bolsonaro demite servidora após revelação de que ela continuava vendendo açaí

O vídeo, segundo o jornal O Estado de S. Paulo, seria uma resposta a acusações feitas por Bolsonaro de que Meirelles seria ficha-suja. Na crítica, o general da reserva teria afirmado que o candidato do MDB serviu “aos governos mais corruptos desse país.”

“Por falar nisso, olhando no Google eu vejo que você é réu por injúria e apologia ao estupro. Você foi condenado a pagar R$ 10 mil a uma deputada por danos morais, foi denunciado por racismo e tem suspeita de empregar uma funcionária fantasma. Além de incitar o racismo, o que fez nos mais de 20 anos como deputado? Quantos empregos criou no Brasil? O da Wal, com certeza”, continua Meirelles.

No último debate entre presidenciáveis, exibido pela RedeTV em 17 de agosto, os dois ficam frente a frente para discutir propostas econômicas do país. Na ocasião, Bolsonaro disse que a ampla taxa de desemprego era fruto dos últimos governos e que as vagas criadas foram destinadas apenas “para a corrupção.”

Apesar do tom severo no vídeo, a postagem de Meirelles adotou uma abordagem mais bem humorada para divulgar a resposta, utilizando, inclusive, o slogan da campanha para rebater o deputado federal: “Que o Bolsonaro não entende de economia, todos já sabem. Agora descobrimos que ele não sabe nem usar o Google. Sou ficha-limpa, fui chamado para resgatar a economia e gerar empregos. Bolso, se você quiser fazer a coisa certa, em vez de chamar a Wal, chama o Meirelles.”

31 Reações

Leia também