Update privacy choices
Notícias

Sem Lula, Bolsonaro é preferido entre eleitores agnósticos e ateus

Yahoo Notícias
AP Photo/Leo Correa

A última pesquisa eleitoral Datafolha, divulgada na quarta-feira (22), incluiu no questionário qual a religião dos eleitores. O novo dado aponta que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), candidato com maior quantidade de intenção de votos (39%), também lidera a preferência do eleitorado em diversas crenças. Em cenários testados sem a presença do petista, preso condenado por corrupção e virtualmente inelegível, o presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro fica como o preferido em todos os segmentos.

Saiba mais:
Cresce a rejeição das mulheres a Jair Bolsonaro, aponta pesquisa Datafolha
Bolsonaro lidera com 22% contra 16% de Marina em cenário sem Lula, diz Datafolha

No atual cenário, Lula seria eleito por 43% dos católicos, 30% dos evangélicos, 37% dos agnósticos e 29% dos ateus. Bolsonaro segue como o segundo colocado na preferência de todas as crenças: 16% entre católicos, 24% entre evangélicos, 20% entre agnósticos e 26% entre ateus.

Caso a candidatura do petista seja impugnada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o vice da chapa, Fernando Haddad, assuma o posto, Bolsonaro fica com a dianteira nas pesquisas (22%). O general da reserva também passa a liderar a preferência dos eleitores em todas as religiões, com 19% das intenções de voto entre católicos, 26% entre evangélicos, 23% entre agnósticos e 26% entre ateus.

Marina cresce sem Lula

A candidata da Rede, Marina Silva, é quem mais ganharia votos entre os eleitores religiosos com a saída de Lula. No primeiro cenário, com o petista disputando o pleito, ela figura como terceira opção entre católicos (6%), evangélicos (11%), agnósticos (8%) e ateus (3%).

Caso o candidato do PT seja Haddad, no entanto, Marina é a presidenciável que mais cresce, em pontos percentuais, nas pesquisas com diferentes crenças religiosas, tornando-se a segunda preferida por católicos (15%), evangélicos (17%) e agnósticos (15%).

Apenas entre os ateus, apesar de ficar com 7% da preferência de votos, Marina continua como terceira opção, atrás de Ciro Gomes (16%) e empatada com Haddad.

Reações

Leia também