Análise: Jogadas de escanteio, arma do Flamengo de Dorival, resolvem a vida do time alternativo

O jogo contra o Coritiba veio no momento mais conveniente possível para Dorival Júnior. Um adversário mais fraco e que não vive bom momento na temporada era tudo o que o treinador precisava para dar descanso a alguns de seus titulares e utilizar os reservas. A vitória por 2 a 0, em Brasília, foi até com certa facilidade. Mas não dá para dizer que foi um bom teste para este Flamengo B.

Ao menos, começou bem o plano de usar a sequência de quatro jogos contra rivais da metade de baixo da tabela para se aproximar do pelotão da frente. O Flamengo chegou aos 24 pontos e subiu provisoriamente para o sétimo lugar — entre Fluminense e São Paulo, que se enfrentam neste domingo. Na quarta, novamente em Brasília, o time enfrenta o Juventude com a expectativa de um público maior do que os mais de 33 mil deste sábado. Isso porque há a expectativa das estreias de Arturo Vidal e Everton Cebolinha.

A partida foi positiva para Gustavo Henrique e Diego Ribas. Não apenas porque foram deles os gols da vitória, mas por suas atuações. O zagueiro mostrou segurança e acompanhou bem os adversários. Já o meio-campista fez bem a saída de bola e não comprometeu na recomposição defensiva.

Mas não se pode negar que a fragilidade do rival ajudou, pois o time armado por Dorival teve muita dificuldade para furar a marcação em linha baixa do Coritiba. Tanto que a partida foi decidida em jogadas de escanteio, que têm se revelado uma arma dos rubro-negros sob o comando do atual técnico.

No primeiro gol, aos 13, Gustavo Henrique subiu mais alto que os marcadores rivais e, de costas, concluiu de cabeça. Nove minutos depois, Pedro desviou escanteio cobrado por Marinho. A bola sobrou para Diego, bem posicionado, ampliar.

— Estamos mais vivos do que nunca. No Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores. E a tendência é a equipe continuar crescendo — disse Diego, que voltou a marcar depois de cinco meses.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos