Ana de Armas diz que interpretar Marilyn Monroe foi “doloroso e intenso”

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Ana de Armas como Marilyn Monroe no filme
Ana de Armas como Marilyn Monroe no filme "Blonde". (Foto: Divulgação/Netflix)

Para estrelar a cinebiografia “Blonde”, Ana de Armas realizou meses de preparação até estar pronta para viver Marilyn Monroe no filme. Em entrevista ao “The Sunday Times”, a atriz descreveu a experiência do projeto como “dolorosa e intensa”.

De acordo com a artista, o processo foi inteiramente difícil, especialmente pelas constantes trocas de perucas e figurinos, além dos treinos para chegar no sotaque da diva. “Precisei passar 9 meses treinando meu sotaque para gravar o diálogo, com sessões de fono para praticar dialetos”, relatou.

As sessões com a fonoaudióloga não foram fáceis e Ana chegou a descrever o processo como “uma verdadeira tortura”. “Foi tudo muito exaustivo, literalmente ‘fritou’ meu cérebro”, afirmou a atriz.

“Blonde” é baseado no livro homônimo escrito por Joyce Carol Oates. A obra mostra a especulação da vida de Norma Jeane Mortenson até se tornar o sex symbol, atriz e modelo conhecida como Marilyn Monroe, na década de 1950.

A ideia é que o filme seja uma história reimaginada da vida privada de Monroe, contada através da ótica da cultura das celebridades. O filme foi descrito pela equipe envolvida como “uma interpretação totalmente feminista”, brilhante e perturbador.

Além de Ana de Armas no papel principal, o elenco terá Bobby Cannavale ("Nove Desconhecidos") como Joe DiMaggio, Adrien Brody ("O Pianista") como Arthur Miller e Sara Paxton ("Aquamarine") como Sra. Flynn. "Blonde" estreia na Netflix em 23 de setembro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos