Anatel dá prazo de 15 dias para empresas de telecomunicações repassarem corte no ICMS

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) mandou as prestadoras de serviços de telecomunicações repassarem aos clientes a redução das alíquotas do ICMS, segundo comunicado da autarquia nessa quarta feira.

A determinação segue a Lei Complementar nº 194 sancionada em junho deste ano, que estabeleceu um teto para as alíquotas de ICMS sobre os setores de combustíveis, gás, energia, comunicações e transporte coletivo.

No despacho sobre a decisão, a agência reguladora citou informações de que as empresas de telecomunicações ainda não teriam repassado as mudanças aos consumidores.

De acordo com a Anatel, as medidas para a redução do imposto deverão ser adotadas no prazo de até 15 dias, com efeito retroativo à data da publicação da Lei Complementar; e o descumprimento pode resultar em multa de até 50 milhões de reais.

A agência reguladora afirmou que a determinação não se aplica às prestadoras de serviços de telecomunicações abrangidas por regime tributário que não implica na redução de alíquota de ICMS, como o Simples.

(Por Rodrigo Viga Gaier)