PM algema homem negro a moto em SP em vídeo que circula nas redes

·1 min de leitura
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
  • Homem precisa correr ao lado da motocicleta em movimento

  • PMSP afirma que irá apurar o caso

  • Cena foi repudiada: 'Tortura e sangue frio'

Circulou pelas redes sociais um vídeo que mostra um homem algemado a uma motocicleta da Polícia Militar de São Paulo. O homem precisa correr para acompanhar a moto em movimento. Assista:

A PMSP disse que abriu um inquérito para apurar o caso e que “repudia tal ato”.

O momento foi gravado nesta terça-feira (30) na Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, na região da Vila Prudente, Zona Leste de São Paulo. O policial pilota a moto na faixa de ciclistas da avenida.

A vítima é um homem negro, que veste calça preta e uma camiseta de manga longa. Ele foi algemado à traseira da moto. Em certo ponto do vídeo, é possível ouvir um homem falar: "Olha aí, ele algemou e está andando igual um escravo".

O ouvidor das Polícias do estado, Elizeu Soares Lopes, disse que irá pedir para a PM apurar a conduta do policial. "Isso é uma atrocidade. Vamos tomar as devidas providências. Amanhã, abriremos um procedimento”, afirmou ao portal G1.

O ato foi repudiado nas redes sociais. Guilherme Boulos (PSOL), coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e ex-candidato a prefeito de São Paulo, classificou como tortura o ato. "Brasil, mais de 300 anos de escravidão... Tortura a sangue frio praticada por um PM de SP. INACEITÁVEL!"

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos