Anderson Di Rizzi sobre final de Márcio em 'A dona do pedaço': 'Vai ser bem diferente'

Regiane Jesus
1 / 5

319154 (1).jpg

Anderson Di Rizzi garante que final de Márcio em "A dona do pedaço" será surpreendente

Feito de gato e sapato por Kim (Monica Iozzi) em “A dona do pedaço”, Márcio está pronto para virar o jogo nos próximos capítulos da trama que chega ao fim dia 22. E com direito a uma torcida ilustre! Se depender de Anderson Di Rizzi, seu personagem vai tomar uma dose generosa de amor próprio e superar a dor de ter sido trocado por Paixão (Duda Nagle) nos braços de outra mulher. A eleita do funcionário da Bolos da Paz é Yohana (Monique Alfradique).

— Márcio se submeteu a ser amante da Kim, aceitou ser submisso e sofreu muito com essa relação abusiva. Se eu fosse amigo dele, aconselhava a sair fora porque Kim só o coloca em enrascada. Mas essa situação não vai durar muito. Vem uma nova namoradinha por aí. Não sei se ele fica com Yohana, mas esse relacionamento já começa com uma pegada diferente. Márcio chega mais atiradinho. Já gravamos até cena de sexo — conta o ator, de 41 anos.

 

A pergunta “quem vai ficar com Márcio?” Anderson não responde. Mas dá pistas sobre o desfecho do personagem:

— O que eu posso dizer é que o final vai ser bem diferente, tanto para meu personagem quanto para Kim. Na verdade, até eu fiquei surpreso. 

Independentemente do que o destino, ou melhor, o autor Walcyr Carrasco reserva para Márcio e Kim, o ator aposta que há naquele romance um sentimento verdadeiro. Mas apenas de uma das partes envolvidas.

 

— Márcio gosta da Kim. Ele levava cintada dela, era acusado injustamente de assédio, mas sempre acreditava que ela não ia fazer mais essas coisas. O problema é que Kim só gosta dela. Não critico Márcio por ter entrado nessa história. Ele é persistente, mas eu não me permitiria passar por tudo isso. Para mim seria demais. Vou até a página dois, mas ele já está na 50 — diverte-se.

Família feliz na vida real

Na ficção, a vida sentimental de Anderson Di Rizzi é bem tumultuada. Mas fora dela, a paz reina. Casado com a professora Taíse Galante, de 33 anos, o pai de Helena, de 2, e Matteo, de 4 meses, anda nas nuvens.

 

— Estou no momento mais feliz da minha vida. Minha família é incrível, uma delícia. Em toda folga que eu tenho corro para lá (São Paulo, onde mora). Ajudo a dar banho, troco fralda, só não dou peito porque não tenho leite, senão até o peito eu daria.