Andreas deixa o Flamengo com custo de R$ 2,3 milhões e avisa que vai voltar

Andreas Pereira deixou o Flamengo depois de encerrado seu contrato de empréstimo, se despediu da delegação que está em São Paulo, e avisou internamente que vai voltar ao clube em breve.

A despedida emocionante foi postada pelo jogador em suas redes, depois de o clube comunicar oficialmente que o atleta não permaneceria.

O meio-campo custou em um ano de empréstimo R$ 2,3 milhões aos cofres do Flamengo em comissionamento e luvas, uma vez que o clube não quis pagar o valor pela compra do atleta.

O Manchester United aceitou receber 10 milhões de euros (R$ 55 milhões) por 75% dos direitos no acordo com a diretoria do Flamengo feito em fevereiro, mas o clube carioca voltou atrás em função do desempenho do jogador entre o erro na final da Libertadores de 2021 e o primeiro semestre de 2022.

O atleta de 26 anos marcou oito gols e deu três assistências em 53 jogos (43 como titular). O jogador subiu de produção com a saída do técnico Paulo Sousa e a chegada de Dorival JR. Mas foi em vão.

O Flamengo definiu no começo de junho que não pagaria o combinado ao clube inglês e Andreas ainda tentou até o fim a permanência, abrindo mão de boa parte do salário que seria pago no novo acordo de cinco anos. Ainda assim, o vencimento não seria nada baixo.

Durante o empréstimo, o jogador teve parte do salário pago pelo Manchester.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos