Ao lado de Merkel, Trump afirma que "imigração é privilégio, não um direito"

Washington, 17 mar (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta sexta-feira que "a imigração é um privilégio, e não um direito", e frisou que a proteção dos cidadãos de seu país deve ser uma prioridade de segurança nacional.

Em entrevista coletiva conjunta com a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, Trump disse que ambos líderes concordaram hoje em sua reunião na Casa Branca na "prioridade de proteger" os cidadãos de sua respectivas nações e em que "a segurança migratória é segurança nacional". EFE