Anvisa pede para PF expulsar jogadores da Argentina que descumpriram quarentena

·1 minuto de leitura
Lo Celso e Messi treinam no Parque São Jorge
Lo Celso e Messi treinam no Parque São Jorge
  • A Anvisa pediu para a Polícia Federal expulsar do Brasil quatro jogadores da Argentina

  • Os atletas que vieram do Reino Unido teriam que cumprir quarentena de 14 dias ao ingressar no Brasil

  • A Argentina enfrenta o Brasil na Neo Química Arena, pelas Eliminatórias para a Copa do Catar

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) solicitou à Polícia Federal que expulse quatro jogadores da seleção argentina, que enfrentará o Brasil neste domingo (5), na Neo Química Arena, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar.

São eles: Emiliano Martínez, Buendía, Cristian Romero e Giovani Lo Celso. De acordo com a agência, os atletas fizeram declarações sanitárias falsas no formulário ao entrar no Brasil. A entidade comunicou o fato à Polícia Federal para que "providências no âmbito da autoridade policial sejam adotadas imediatamente".

Leia também:

Os quatro argentinos jogam em clubes ingleses (Emiliano Martínez no Aston Villa, e Cristian Romero e Lo Celso, no Tottenham). Viajantes que estiveram no Reino Unido, África do Sul, Irlanda do Norte e Índia nos últimos 14 dias estão proibidos de entrar no Brasil.

O quatro deveriam ter feito quarentena ao chegar ao Brasil, mas não fizeram. Antes de viajar a São Paulo, eles estavam na Venezuela. "Porém, notícias não oficiais chegaram à Anvisa dando conta de supostas declarações falsas prestadas por tais viajantes", disse a Anvisa.

Para o órgão, trata-se de "notório descumprimento" de uma portaria interministerial e das normas de controle imigratório brasileiro: "A Anvisa considera a situação risco sanitário grave, e por isso orientou às autoridades em saúde locais a determinarem a imediata quarentena dos jogadores, que estão impedidos de participar de qualquer atividade e devem ser impedidos de permanecer em território brasileiro".

O governo brasileiro pode dar uma autorização para que os jogadores permaneçam no país, de acordo com informações do site Globo Esporte.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos