Anvisa aprova vacina da Pfizer contra Covid para crianças de 6 meses e 4 anos

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou a aplicação da vacina da Pfizer contra a Covid-19 para crianças entre 6 meses e 4 anos de idade, ampliando ainda mais a parcela da população autorizada a receber o imunizante, informou a agência na noite de sexta-feira.

A Anvisa disse que contou com a consulta de especialistas externos de sociedades médicas, que tiveram acesso aos dados dos estudos e resultados apresentados pela Pfizer, para avaliar a ampliação da faixa etária da vacina. Até então, o imunizante estava autoridade para todas as pessoas acima de 5 anos.

"O olhar de especialistas externos foi um cuidado adicional adotado pela Anvisa para que o uso da vacina por crianças fosse aprovado dentro dos mais rigorosos critérios, considerando, para isso, o conhecimento de profissionais médicos que atuam no dia a dia com crianças e imunização", disse a Anvisa em comunicado.

A vacina para crianças entre 6 meses e 4 anos tem dosagem e composição diferentes daquelas utilizadas para as faixas etárias previamente aprovadas e deverá ser aplicada em três doses, sendo as duas primeiras com intervalo de três semanas e a terceira pelo menos oito semanas após a segunda dose.

Com quase 80% da população vacinada com pelo menos duas doses, o Brasil tem conseguido controlar a pandemia de Covid-19. Na sexta-feira, o país registrou 97 óbitos no período de 24 horas, ante um pico de mais de 4.250 mortes em 24 horas em abril do ano passado, de acordo com dados do Ministério da Saúde.

(Por Pedro Fonseca)