Anvisa permite teste clínico da vacina contra a Covid-19 da Sanofi Pasteur

·1 minuto de leitura
SAO PAULO, BRAZIL - APRIL 23: Vails of CoronaVac vaccine are seen on the production line of CoronaVac, Sinovac Biontech's vaccine against COVID-19 at Butantan biomedical production center on April 23, 2021 in Sao Paulo, Brazil. While Butantan Institute works on developing its own vaccines, continues to produce the Chinese CoronoVac developed in partnership with the Chinese laboratory Sinovac Biontech. Brazil already announced that due to lack of vaccines, will finish inoculating high risks groups by September and not by May as it had been announced. The Butantan Institute requested authorization to the Sanitary Surveillance Agency (ANVISA) to start clinical tests with Butanvac, a new vaccine against COVID-19 100% developed in Brazil. (Photo by Alexandre Schneider/Getty Images)
O teste clínico contará com 150 voluntários em 4 estados do país. (Foto: Alexandre Schneider/Getty Images)

por Larissa Arantes

Mais uma vacina contra a Covid-19 poderá ser testada no Brasil. 

A Anvisa autorizou nesta terça-feira (6) a pesquisa clínica do imunizante da Sanofi Pasteur. Com o aval da agência, o laboratório poderá avaliar qual será a dosagem ideal para, então, evoluir para os estudos de fase 3. 

Serão 150 voluntários no Brasil nos seguintes estados: 

  • Bahia;

  • Mato Grosso do Sul;

  • Minas Gerais;

  • Rio de Janeiro;

Outros países também irão realizar as pesquisas como Estados Unidos, Honduras e Austrália. 

De acordo com a Anvisa, os ensaios clínicos são os estudos de um novo medicamento realizados em seres humanos. Esta fase serve para validar a eficácia e a segurança da vacina e também quais são as indicações terapêuticas. 

A agência informou ainda que a vacina da Sanofi Pasteur deverá ser aplicada em duas doses com um intervalo de 21 dias entre cada uma.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos