Ao Ponto: O que você precisa saber sobre as mudanças no cheque especial

Banco Central e Ministério da Economia impuseram um limite para o juro do cheque especial

Na noite de quarta-feira, o Comitê de Política Monetária, formado por Banco Central e Ministério da Economia, anunciou uma ação que deve frear um pouco o juro cobrado de quem é obrigado a se valer da mais pesada forma de crédito disponível no mercado: o cheque especial. O comitê estabeleceu um teto mensal para o juro, que não pode ultrapassar 8% ao mês. Hoje, a média da cobrança supera os 12%. Em contrapartida, os bancos poderão taxar o limite de crédito que supere 500 reais, mesmo quando esse limite não é utilizado. Os bancos não gostaram da ideia. E dizem que o governo adota limites e impõe um tabelamento de preços. No Ao Ponto desta sexta-feira, a repórter Renata Vieira e a editora de Economia, Luciana Rodrigues, explicam como agir diante das novas regras e analisam as repercussões junto a bancos e economistas.

Episódio também pode ser ouvido na página de Podcast do GLOBO. Você pode seguir a gente em Spotify, iTunes, Deezer.

Publicado de segunda a sexta-feira, às 6h, nas principais plataformas de podcast e no site do GLOBO, o Ao Ponto é apresentado pelos jornalistas Carolina Morand e Roberto Maltchik, sempre abordando acontecimentos relevantes do dia.