Após 14 filhos homens, família dos EUA dá as boas-vindas a uma menina

Extra
·1 minuto de leitura
Foto: Reprodução

família 14 homens.jpg

Foto: Reprodução

Jay e Kateri Schwandt, ambos de 45 anos, tiveram 14 filhos homens em 28 anos. A família de Michigan, nos Estados Unidos, imaginava que seria "biologicamente impossível" ter uma menina. No início de novembro, porém, deram as boas-vindas a Maggie Jayne, surpreendendo até a equipe médica do hospital.

O pai conta que o casal teve dificuldade para definir um nome para a bebê e que os irmãos quase não acreditaram quando souberam que receberiam uma menina em casa.

— Eu estava em choque quando recebi o resultado, lembro nitidamente de não conseguir falar. Eu tive que verificar novamente — disse Jay Schwandt ao "Good Morning America".

Maggie vai viver numa casa com os 12 rapazes que ainda vivem com os pais. De acordo com Jay, o lar se parece com uma casa onde vivem membros de uma fraternidade universitária.

— É exatamente como você imagina que seria uma casa com 14 irmãos. Vamos precisar de algumas mudanças no estilo de vida. Faremos isso aos poucos — brinca o pai.

Jay confessa que pensou em criar a menina dentro de esteriótipos, mas acredita que a convivência com os irmãos vai abrir outras possibilidades para a filha.

— Ela vai jogar hóquei, vai jogar basquete, vai se sujar, vai subir em árvores, vai caçar. Mas claro que mal posso esperar para ir a um recital de dança ou a um baile de papai e filha — disse em entrevista ao portal "MLive".