Após 6 quedas seguidas, Ibovespa esboça reação na pré-abertura

Aluisio Alves
·1 minuto de leitura
B3 em São Paulo

Por Aluisio Alves

SÃO PAULO (Reuters) - As ações brasileiras esboçavam reação para esta quinta-feira, com o contrato mais curto de Ibovespa futuro indicando valorização antes da abertura do mercado à vista.

Após seis quedas consecutivas, especialistas do mercado acionário dizem que investidores podem estar mais propensos a voltar à ponta compradora de alguns papéis.

Às 9:28, o contrato do Ibovespa com vencimento em 17 de fevereiro subia 0,82%.

No entanto, o noticiário pesado pode mais uma vez minar a força do índice, assim como aconteceu na véspera, quando abriu em alta e foi perdendo força durante a sessão, na esteira de notícias sobre a nova variante do vírus, disputas no Congresso e ameaça de greve de caminhoneiros.

No plano corporativo, as atenções do mercado nesta quinta se voltam para o retorno dos planos de retomada das ofertas de ações. Na noite da véspera, a Caixa Econômica informou que retomou as discussões para listagem da Caixa Seguridade. Nesta manhã, a Vamos anunciou o preço de sua oferta, que movimentou 890 milhões de reais. Na noite desta quinta deve sair a definição do preço do IPO da Espaçolaser.

Nos Estados Unidos, Wall Street repercute os resultados da noite de quarta-feira de Facebook, Apple e Tesla, enquanto aguarda os números trimestrais de American Airlines, Mastercard, Visa, McDonald's, entre outros, nesta sessão.