Após consagração no Oscar, 'Parasita' amplia em cinco vezes seu circuito exibidor no Brasil

RIO — Grande vencedor do Oscar 2020, levando para casa quatro estatuetas, entre elas a de melhor filme e direção, "Parasita" vai ter seu circuito de exibição no Brasil multiplicado por cinco. A partir desta sexta-feira, o filme de Bong Joon-ho estará em cartaz em 248 salas por todo o país.

Em novembro passado, quando ainda era improvável a consagração na maior festa do cinema mundial, ele estreou por aqui em apenas 60 salas. Atualmente, está sendo exibido em 137, com bilheteria acumulada de mais de 400 mil espectadores.

"Parasita" fez história ao ser o primeiro longa de língua não inglesa a vencer um Oscar na categoria de melhor filme. Tradicionalmente pouco afeito a títulos legendados, o público americano vem recebendo bem o thriller social, que também ganhou as estatuetas nas categorias de filme internacional e roteiro adaptado.

No circuito norte-americano, o filme está em exibição em 1060 cinemas, com bilheteria acumulada — desde sua estreia em outubro — de US$ 36 milhões, uma das dez maiores bilheterias de um filme não falado em inglês na América do Norte. No Reino Unido, com seu desempenho no Oscar, o circuito de cinemas aumentará de 136 para 400, após alcançar o quarto lugar em arrecadação nas bilheterias, com US$ 1,7 milhões.

Com um orçamento de pouco mais de US$ 11 milhões, "Parasita" já embolsou mundialmente US$ 166 milhões.