Após criticar Mayer e Blat, José de Abreu é confrontado por ter cuspido em mulher

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - José de Abreu foi confrontado por internautas após criticar uma declaração de Caio Blat, que defendeu o pedido de desculpas de José Mayer e usou a expressão "brincadeira fora do tom" ao falar sobre a denúncia de assédio envolvendo Mayer.

Abreu escreveu no Twitter: "Caio falando merda de novo? Daqui a pouco se arrepende e pede desculpas".

Em resposta, alguns seguidores lembraram do episódio em que o ator veterano cuspiu em uma mulher durante uma discussão de cunho político.

Há cerca de um ano, ele jantava com a mulher em um restaurante de São Paulo quando, de acordo com seu relato, um casal sentado ao lado passou a ofendê-lo por ser petista e acusar sua parceira de receber verbas da Lei Rouanet. "Cuspi na cara do coxinha e da mulher dele! Não reagiu! Covarde", disse na ocasião.

Ao ser questionado por que Mayer foi suspenso das produções da Globo e ele não, Abreu contestou: "Porque sou muito bom ator e profissional. A Globo me respeita porque não faço merda, respeito meu local de trabalho".

Em seguida, afirmou que "a mão forçada de um homem na vagina de uma mulher" e "uma cuspida numa imbecil machista que xingou outra mulher sem motivo" são situações incomparáveis.