Após derrota para Rayo Vallecano, Ronald Koeman é demitido do Barcelona

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O técnico Ronald Koeman foi dispensado do Barcelona nesta quarta-feira, 27, após a derrota de 1 a 0 para o Rayo Vallecano. O anúncio oficial veio no início da noite, com o próprio time confirmando a saída.

O quadro já não era muito positivo ao holandês, com o clube catalão em nono na tabela do Campeonato Espanhol. Foi a segunda derrota consecutiva; no último sábado, no 'El Clásico', quem saiu vitorioso foi o Real Madrid.

Às vésperas do jogo, Joan Laporta, presidente do catalão, tinha negado a possibilidade de demitir Koeman após o encontro com os merengues.

— Sim, sim (Koeman continua). É certo que Koeman continuará após El Clásico — garantiu Laporta.

Contratado em agosto de 2020, o técnico deixa o clube com 65 jogos no comando: 39 vitórias, 14 derrotas e 12 empates. Além disso, carrega uma taça da Copa do Reio, único título que conquistou como treinador do time.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos