Após divórcio de Gisele Bündchen, Tom Brady diz que não está arrependido sobre o retorno da NFL

Tom Brady não mudaria nada. O sete vezes campeão do Super Bowl diz que tem “zero” arrependimento por não se aposentar da NFL — apesar do mau início de temporada do Tampa Bay Buccaneers e seu divórcio de Gisele Bündchen.

“Retornei porque senti que queria competir e falei com a equipe sobre isso, e eles estavam empolgados em me receber de volta”, disse Brady, 45, a repórteres na sexta-feira, pela ESPN.

Quando perguntado se ele se arrependeu de suas mudanças na carreira, Brady respondeu: “Zero, não. Definitivamente não."

“Eu realmente não me arrependo desse tipo de coisa – acho que quando me comprometo com isso, falo sério, e faço o meu melhor e tento dar tudo o que posso a essa oportunidade em particular”, continuou o quarterback.

A volta do atleta à NFL foi apontada como um dos motivos que elevou a tensão e distanciamento entre Brady e Gisele. Os dois anunciaram publicamente o divórcio no mês passado.