Após escândalos no governo Bolsonaro, aumenta percepção sobre corrupção como principal problema do país, veja os números

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A pesquisa Exame/Ideia divulgada nesta quinta-feira revela que a percepção dos brasileiros sobre corrupção aumentou em um mês. Se, em junho, 10% apontavam este como o principal problema do país, agora a corrupção aparece com 14%, um crescimento acima da margem de erro.

O resultado pode já refletir recentes casos envolvendo diretamente o governo do presidente Jair Bolsonaro, como o escândalo dos pastores do MEC e a prisão do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro. A investigação da Polícia Federal sobre fraudes na Codevasf também pode ter repercussões negativas nos próximos levantamentos.

O desemprego ainda lidera a lista como principal problema do Brasil segundo a Exame/Ideia de julho, com 25%, mas, um mês atrás, tinha 29%, seguido por inflação (de 24% para 22%). Depois de corrupção, que está em terceiro lugar, aparecem nesta pesquisa saúde (12%), educação (11%), fome/miséria (7%), outros problemas (3%) e moral e costumes (2%).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos