Após inauguração, estátua de Bolsonaro é retirada do centro de Passo Fundo (RS)

·1 minuto de leitura

Depois de ter sido inaugurada durante a manifestação de 7 de setembro, provocando polêmica na cidade, a estátua do presidente Jair Bolsonaro, de seis metros de altura, foi retirada do Centro de Passo Fundo, cidade do Rio Grande do Sul. Líder do grupo que ficou à frente da homenagem, o advogado Jabs Paim Bandeira, presidente do Comitê pela Vida e Liberdade, disse ontem que seria contra a lei deixá-la no local porque não há autorização da prefeitura para manter a estrutura exposta em local público. Além disso, ele também alegou que há uma procupação com possíveis atos de vandalismo.

- A ideia é fazer um projeto itinerante - explica Bandeira, acrescentando que uma das possibiliades cogitadas é que a estátua seja itinerante pela cidade, ficando apenas algumas horas em determinados pontos, ou mesmo que fique em definitivo em uma área privada.

Ele também adiantou que a estátua precisa de acabamentos. No projeto original, o presidente seguraria uma lança de guerreiro e uma bandeira. Mas os apetrechos não ficaram prontos a tempo. Para ser apresentada na terça-feira aos manifestantes, foi usada uma bandeira do Brasil de tecido. Ela deve ser substituída por uma peça também confeccionada em ferro e metal. Bandeira contou que o artesão responsável pela peça, Jorge Luiz Grigolo, ficou extremamente cansado e precisou se recolher por um período:

- Ele trabalhou dia e noite no projeto.

Procurada, a prefeitura de Passo Fundo informou que os manifestantes, de fato, não tem autorização para instalar a estátua no centro do município. Desde a inauguração, a cidade se dividiu entre os admiradores de Bolsonaro, que apoiaram a iniciativa, e críticos que contestavam a presença da estrurua na via pública.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos