Após prometer processar Felipe Neto, Luciano Hang ironiza que adora o youtuber Empresário e influencer entraram em nova discussão nas redes

·1 min de leitura
***ARQUIVO***BRASILIA, DF,  29.09.2021 - O empresário bolsonarista Luciano Hang, dono das lojas Havan, gesticula pedindo calma aos senadores durante depoimento na CPI da Covid, que investiga as ações do governo federal na pandemia causada pelo novo coronavírus. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
***ARQUIVO***BRASILIA, DF, 29.09.2021 - O empresário bolsonarista Luciano Hang, dono das lojas Havan, gesticula pedindo calma aos senadores durante depoimento na CPI da Covid, que investiga as ações do governo federal na pandemia causada pelo novo coronavírus. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - "Eu adoro o Felipe Neto", é o que afirma o dono da Havan, Luciano Hang.

A frase é dita com ironia por Hang, que entrou em uma nova discussão de rede social com o influencer nesta semana, ao anunciar que vai processá-lo por comentários feitos na internet após a morte da mãe do empresário.

"Cada um tem direito de ter livre pensamento. Ele pensa o que quer e eu penso o que quero. Isso é normal. O que não pode é usar a morte da mãe de alguém para se expressar nas redes sociais acusando de falsificar um atestado de óbito da mãe. É uma coisa abominável", diz Hang.

Após a ameaça de processo, Felipe Neto respondeu nesta terça (16), também na internet. "Mostra a thread [sequência de tuítes] inteira, onde eu digo que você foi acusado de ter feito isso, não condenado", escreveu Neto.

Hang afirma que seus advogados pesquisam manifestações publicadas na internet para avaliar onde cabe processo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos