Após quebra-quebra no Planalto, Lula faz vídeo com imagem de Jesus e diz: 'Juntos, vamos mudar esse país'

Um dia após golpistas quebrarem prédios públicos da capital federal, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgou um vídeo nesta segunda-feira no qual recebe uma imagem de Jesus no Palácio do Planalto. Na gravação, Lula direciona o olhar para a estátua e afirma em tom emotivo que, "juntos, vamos mudar esse país".

Lula aparece ao lado da primeira-dama Rosângela Silva, a Janja, e do ministro Alexandre Padilha e explica que mandou buscar a imagem no Museu da República. Em seguida, conta que a imagem o acompanhou nos seus outros dois mandatos (2003-2010) e ficou guardada perdendo a cor. Depois, o petista complementa : 'Eu já voltei e agora você vai voltar":

— Tantos anos e eu descubro que o meu Cristo estava no Museu da República. Então, eu vou colocar onde sempre ficou me ajudando a governar esse país (...) E, juntos, nós vamos mudar esse país.

O gesto de Lula aos cristãos, no entanto, ocorre menos de 24 horas após os atos de radicais bolsonaristas e golpistas em Brasília. Desde que foi alçado ao poder em 2018, o ex-presidente Jair Bolsonaro conquistou o apoio da maioria dos líderes evangélicos. Alguns deles inclusive aderiram aos atos golpistas, embora boa parte tenha criticado publicamente o uso da violência e condenado a destruição do patrimônio público.

Para petistas, Lula busca fazer acenos para os cristãos para recuperar parte desse eleitorado e começar a tentar dividir os grupos de apoiadores de Bolsonaro que são ligados aos evangélicos, ao agronegócio e aos setores das forças de segurança.