Após rodada desastrosa para os cariocas, confira chances de título, Libertadores e rebaixamento

O Globo
·2 minuto de leitura
Guito Moreto / Agência O Globo
Guito Moreto / Agência O Globo

A abertura do segundo turno do Campeonato Brasileiro, no último final de semana, não poderia ser pior para os quatro grandes do Rio. Todas as equipes perderam seus jogos, além de não terem marcado um único gol em suas partidas.A goleada sofrida pelo Flamengo (4 a 0 para o Atlético Mineiro) embolou a briga na parte de cima da tabela, enquanto Vasco e Botafogo voltaram à zona de rebaixamento após derrotas por 1 a 0 para Palmeiras e Bahia, respectivamente. No G-6, o Fluminense perdeu a chance de se distanciar ainda mais dos concorrentes ao ser derrotado pelo Grêmio, também por 1 a 0.

Com a conclusão da 20ª rodada, o Departamento de Matemática e Estatística da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) calculou as probabilidades de cada equipe no campenato. Confira os números:

Flamengo

O Rubro-Negro tem 13,5% de chances de título, a terceira maior possibilidade entre as equipes do topo da tabela. Com 17 jogos disputados até o fechamento da 20ª rodada, no último domingo, o São Paulo tem a maior probabilidade de ser campeão, com 29%. Logo atrás, vem o Galo, algoz da última partida, com 20%.

As possibilidades de classificação à Libertadores seguem altas para o Rubro-Negro. Segundo os cálculos, o time de Domenèc Torrent tem 75% de chances de terminar no G-6.

Fluminense

O Tricolor segue logo atrás do rival rubro-negro nas chances de classificação ao torneio continental. Os comandados de Odair Hellmann têm 58,9% de chances de voltar à competição continental. As chances de título são de 6,9%.

Botafogo

Na parte de baixo da tabela, o Botafogo colocou-se entre as quatro equipes com o maior risco de queda. As chances do Alvinegro são de 43,2%, atrás de Goiás (86,5%), Athletico (50,9%) e Bragantino (43,6%). As chances de ir à Copa Sul-Americana são de 18,1%. O Botafogo tem um jogo a menos.

Vasco

Logo atrás do Botafogo vem o Vasco. Com dois jogos a menos, a equipe de Ricardo Sá Pinto chegou aos 42,1% de chances de queda após a derrota para o Palmeiras. O Cruz-Maltino tem 21,5% de chances de ir à Sul-Americana.