Após sucesso de documentário, príncipe Harry e Oprah se reencontram para programa sobre saúde mental

·1 minuto de leitura

LOS ANGELES - O príncipe Harry e a apresentadora americana Oprah Winfrey devem revisitar seu documentário sobre saúde mental "The Me You Can't See" (O eu que você não pode ver) com uma continuação, anunciou a Apple TV+ nesta quarta-feira. Segundo a empresa, a série documental trouxe um aumento de 25% de espectadores novos à plataforma de streaming.

"The Me You Can't See: A Path Forward" (O eu que você não pode ver: um caminho a seguir) será um encontro comunitário virtual a ser exibido na próxima sexta-feira, no qual se reencontrarão os especialistas de saúde, celebridades, atletas e outros que contaram suas lutas contra a depressão, a esquizofrenia e a ansiedade na série.

A Apple TV+ disse que o documentário, no qual Harry falou em detalhe sobre o trauma da morte de sua mãe, sua preocupação com a esposa, Meghan, e a reação de outros membros da família real britânica, resultou em um aumento de mais de 40% na audiência média de final de semana no Reino Unido.

"The Me You Can't See" também foi amplamente visto no Canadá, Austrália, Alemanha, Brasil e outros países, disse a Apple.

O projeto representou a primeira empreitada de Harry na produção televisiva desde que ele e Meghan, conhecidos formalmente como duque e duquesa de Sussex, abdicaram das ocupações reais e se mudaram para a Califórnia em 2020.

A Apple TV+ disse que o encontro de sexta-feira contará com algumas das pessoas entrevistadas, como a atriz Glenn Close, oferecendo um aprofundamento de suas histórias e conselhos de especialistas.

Não ficou claro se Harry falará sobre seus próprios dilemas de saúde mental no encontro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos