Após três casos de coronavírus, Ford fecha fábrica na Espanha

A fábrica da Ford em Valência, na Espanha, produz cerca de 400 mil veículos por ano

MADRI — A Ford anunciou neste domingo o fechamento de sua fábrica em Valência, na Espanha, após três funcionários terem testado positivo para o novo coronavírus.

A fábrica é uma das maiores da montadora fora dos EUA, empregando mais de 7 mil trabalhadores, que produzem cerca de 400 mil veículos por ano. A suspensão das atividades começa na segunda-feira.

“ Nós tivemos três casos positivos de Covid-19 na fábrica de Valência nas últimas 24 horas”, informou a companhia, acrescentando que está seguindo o protocolo de isolamento de todos os funcionários que tiveram contato com os trabalhadores infectados.

De acordo com relatório da Organização Mundial da Saúde, a Espanha é o quinto país do mundo com maior número de casos da doença: 5.753. No sábado, o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, decretou estado de emergência no país, com restrições para a movimentação dos cidadãos.

A partir de agora, os espanhóis estão proibidos de sair de casa, exceto para deslocamentos estritamente necessários, como trabalho, compra de medicamentos e alimentos e idas ao hospital.

No mundo, já foram contabilizados cerca de 150 mil casos espalhados por 144 países, com mais de 5,7 mil mortos.