Após vídeo em que chama para manifestações, Bolsonaro nega que incentivou protestos

BRASÍLIA - Usando máscara, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a negar nesta quarta-feira que tenha convocado manifestações realizadas no domingo, quando manifestantes protestaram a favor do governo e contra instituições como o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Congresso Nacional. No dia 7 de março, porém, durante uma escala em Boa Vista (RR), Bolsonaro chamou a população para participar dos atos. O presidente, inclusive, participou dos protestos em Brasília.

- Não convoquei ninguém, não exste nenhuma imagem. Existe, sim, um vídeo, mas para manifestações do dia 15 de março de 2015 - afirmou Bolsonaro durante entrevista coletiva realizada no Palácio do Planalto.No vídeo publicado no dia 7 de março, Bolsonaro disse políticos não poderiam ter medo de manifestações nas ruas.

- Quem tem medo de movimento de rua não serve para ser político - afirmou Bolsonaro na época.