Após vírus em computadores, Ministério da Saúde diz que reestabeleceu parte dos sistemas

Leandro Prazeres
·1 minuto de leitura
Gabriel de Paiva / Agência O Globo/18-10-2020
Gabriel de Paiva / Agência O Globo/18-10-2020

BRASÍLIA - O Ministério da Saúde informou na noite desta segunda-feira que reestabeleceu parte do sistema de informações do órgão, que estava parcialmente fora do ar desde a última quinta-feira. Na semana passada, segundo o ministério, as redes do órgão foram afetadas por um vírus. Por medida de precaução, alguns sistemas foram tirados do ar.

“O Ministério da Saúde informa que já reestabeleceu parte do sistema de informações da pasta e segue monitorando as demais páginas que ainda não estão totalmente normalizadas e podem, eventualmente, precisar de ajustes”, disse o ministério em nota.

De acordo com o ministério, o vírus afetou suas redes no mesmo dia em que os sistemas de comunicação de órgãos como o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e o Governo do Distrito Federal foram alvos de um ataque hacker. O ataque fez com que o site do STJ saísse do ar e, até a noite desta segunda-feira, ainda não havia voltado a funcionar. A Polícia Federal abriu uma investigação sobre o caso.

Oficialmente, contudo, o Ministério da Saúde não confirmou qualquer tentativa de invasão hacker.

Na nota divulgada nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde disse que “segue monitorando as demais páginas que ainda não estão totalmente normalizadas e podem, eventualmente, precisar de ajustes”.

A nota diz ainda que algumas páginas do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus) ainda podem apresentar “instabilidades” nos próximos dias e ficar temporariamente indisponíveis.

O problema no sistema do Datasus gerou problemas na contabilização dos dados sobre a epidemia causada pela Covid-19 em alguns estados do país. kk