Apartamento com bandeira do PT é alvo de tiros no Recife

Apoiador segura bandeira do PT (Foto: HEULER ANDREY/AFP via Getty Images)
Apoiador segura bandeira do PT (Foto: HEULER ANDREY/AFP via Getty Images)

Um apartamento que tinha uma bandeira vermelha com a estrela do PT na varanda foi alvo de dois tiros na madrugada desta quarta-feira (21). Outros três tiros atingiram os apartamentos que ficam nos pisos abaixo dele.

O crime aconteceu na zona norte do Recife, e foi registrado na manhã de hoje na delegacia de Casa Amarela.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram que os disparos destruíram o vidro da varanda de um apartamento que, de acordo com o portal Marco Zero, mora um casal e uma criança de 3 anos.

Por volta das 3h30, os moradores, que acordaram em pânico, encontraram as duas balas na sala. Em um outro apartamento, um projétil foi achado.

“Pode ter sido um tiroteio na rua da frente e balas perdidas atingiram o prédio. Mas pode ser também por conta da bandeira e essa é uma hipótese assustadora. A polícia que deve averiguar qual foi a motivação”, disse o síndico Mitael Sales, que é morador do apartamento com a bandeira.

Ele falou também que após a perícia, vai retirar a bandeira da varanda.

“Não só pela minha segurança, mas pela segurança das outras pessoas que moram no prédio. Mesmo sendo ainda apenas uma hipótese, é algo grave e que nos deixa assustados”, afirmou.

Ainda segundo o portal Marco Zero, as imagens das câmeras de segurança do prédio estão sendo levantadas e serão entregues para a polícia.

Em nota, a Polícia Civil afirma que é “prematuro, neste momento, apontar motivação ou a dinâmica dos fatos”.

Veja as últimas pesquisas eleitorais para presidente:

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)