Apenas 13% dos headliners de festivais são mulheres, diz estudo britânico

Anitta no palco do Coachella 2022.
Anitta no palco do Coachella 2022. Foto: Matt Winkelmeyer/Getty Images

Resumo da notícia:

  • Estudo britânico investigou quantidade de headliners femininos nos festivais

  • Apenas 13% das atrações principais no Reino Unido são mulheres

  • Foram 50 eventos analisados com 200 performances

Um estudo do Reino Unido contabilizou a porcentagem de mulheres entre as atrações principais de festivais da região. De acordo com a BBC News, nos eventos de 2022, a cada 10 headliners, apenas um é feminino.

Segundo a Rolling Stone UK, os principais festivais da Europa e dos Estados Unidos se comprometeram a adotar line-ups igualmente dividido entre homens e mulheres há 5 anos, mas não cumpriram com o acordo.

Entre 200 artistas, analisados por 50 eventos diferentes, apenas 26 eram bandas formadas por mulheres ou artistas solo femininas, o que equivale a 13% do line-up. Enquanto 149 eram bandas formadas por homens ou artistas solo masculinos, o que equivale a 74,5% dos artistas principais.

No entanto, o cenário no Brasil não se difere tanto dessa desigualdade. Das sete atrações principais previstas para o Lollapalooza 2022, apenas duas eram mulheres, as cantoras Miley Cyrus e Doja Cat. Já no Rock in Rio, o Palco Mundo contará com apenas uma mulher, a Dua Lipa, entre os sete headliners.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos