Após 25 anos, Donald Trump está fora de lista dos 400 mais ricos da América

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Em 2016, na época da eleição, Donald Trump teve a oportunidade de se desfazer dos ativos imobiliários. Foto: Getty Images.
Em 2016, na época da eleição, Donald Trump teve a oportunidade de se desfazer dos ativos imobiliários. Foto: Getty Images.
  • Donald Trump está fora da lista dos 400 mais ricos da América da Forbes de 2021;

  • O magnata do ramo imobiliário perdeu US$ 600 milhões desde o início da pandemia;

  • A perda do montante poderia ter sido evitada, caso o ex-presidente tivesse ouvido os funcionários federais de ética.

Donald Trump está valendo por volta de US$ 2,5 bilhões, de acordo com a Forbes. Agora, o ex-presidente dos Estados Unidos, e magnata do mercado imobiliário, está US$ 400 bilhões abaixo do limite necessário para fazer parte da exclusiva lista dos 400 mais ricos da América.

Contudo, o empresário continua sendo tão rico como era há um ano, quando ocupava a 339ª posição do ranking. Desde o início da pandemia, o magnata perdeu US$ 600 milhões. Ainda assim, ações da área tecnológica, criptomoedas e outros ativos prosperaram durante o período.

Leia também:

Entretanto, as propriedades do ex-presidente em grandes cidades, de onde vem sua grande fortuna, definharam, retirando, portanto, o empresário do clube mais exclusivo dos Estados Unidos.

O culpado pela derrocada é o próprio magnata, que, há cinco anos, teve a oportunidade de diversificar a posse financeira.

Logo após a eleição de 2016, Trump foi pressionado por funcionários federais de ética a se desfazer dos ativos imobiliários. Desse modo, o ex-presidente poderia ter reinvestido os lucros em fundos de índices de base ampla, podendo assumir o cargo sem qualquer desentendimento.

Sem ouvir os fiscais, outras pessoas no ramo executivo com ativos, como é o caso do magnata, podem entrar em conflito com seus empregos no governo, correndo o risco de violar a lei criminal de conflitos de interesse.

As informações são da Forbes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos