Após 'recuar', Musk diz que ainda está 'comprometido' com compra do Twitter

Depois de surpreender o mundo ao anunciar nesta sexta que havia suspendido o acordo de compra do Twitter, o bilionário Elon Musk, dono da Tesla e SpaceX, disse agora que está "comprometido"com a compra da rede social.

A fala anterior de Musk fez as ações do Twitter desabarem no chamado pré-mercado.

Essas mudanças de visão de Musk a respeito do negócio têm a ver com pendências relativas aos números de contas falsas do Twitter. O bilionário deu a entender que os bots seriam mais que 5% do total, o que bloquearia a transação.

Compra do Twitter

No final de abril, o homem mais rico do mundo anunciou que iria comprar a rede social por cerca de R$ 215 bilhões.

Musk sempre foi um entusiasta do conceito da arena livre de discussões, sem qualquer tipo de censura. Aliás, um dos motivos para ele ter a intenção de comprar a plataforma foi, segundo o próprio bilionário, remover o que ele chamou "filtros em demasia".

Nesta semana, ele também disse que devolveria a conta ao ex-presidente dos EUA, Donald Trump, que foi banido para sempre da rede social após postar mensagens de apoio aos invasores do Capitólio em janeiro de 2021.

Criado em 2016, o Twitter tem hoje 217 milhões de usuários mensais. O Brasil é o quarto maior mercado do mundo.

Quem é Elon Musk?

Elon Musk, o famoso bilionário nascido na África do Sul e novo dono do Twitter, é um dos nomes mais midiáticos entre os empresários da economia das novas tecnologias.

Ele comprou a empresa de rede social por US$ 44 bilhões (cerca de R$ 214 bilhões) na segunda-feira (25/04). Musk é conhecido por defender a "livre expressão" na plataforma e já criticou algumas medidas do Twitter no passado.

Após a compra, Musk, que tem quase 84 milhões de seguidores no Twitter, postou "Livre expressão é a base de uma democracia que funciona, e o Twitter é a praça da cidade digital em que assuntos vitais para o futuro da humanidade serão debatidos."

"Eu também quero tornar o Twitter melhor dotando o produto com novos recursos, tornando os algoritmos com código aberto para aumentar a confiança, derrotando robôs de spam e autenticando todos os humanos.

Seu principal empreendimento, no entanto, é a Tesla, empresa especializada em carros elétricos, armazenamento de energia e fabricação de painéis solares. Mas Musk também criou a Paypal (empresa de pagamentos online) e outras bem-sucedidas companhias.

Algumas delas são a Boring Company, pela qual planeja conquistar o subsolo, e a SpaceX, voltada para exploração aeroespacial, que lançou um carro da Tesla ao espaço.

Desde que vendeu a PayPal ao eBay por US$ 1,5 bilhão, há 20 anos, Musk tornou-se para muitos um gênio, para outros um louco e para muitos outros um visionário, um iluminado, um playboy ou um super-herói.

O magnata de 47 anos já namorou atrizes americanas famosas como Talulah Riley (Orgulho & Preconceito, A Origem) e Amber Heard (Liga da Justiça).

Com a cantora canadense Grimes, ele foi pai de uma criança cujo nome inspirou muitos tuítes na época do nascimento: o garoto X Æ A-12 (a mãe diz que a pronúncia em inglês é "X A.I. Archangel" ou eksi ei ai arquiangel). Os dois também são pais da menina Exa Dark Sideræl.

Ele tem mais cinco filhos, com sua primeira mulher.

Diz-se que o ator Robert Downey Jr se inspirou nele para interpretar Tony Stark em Homem de Ferro.

Musk é considerado o homem mais rico do mundo, segundo levantamento da revista Forbes, que avaliou sua fortuna em US$ 273 bilhões (R$ 1,3 trilhão).

O renomado empresário mudou as formas como entendemos as indústrias do voo espacial privado e do carro elétrico, energia solar e inteligência artificial.

Musk prometeu que, em breve, viajaremos em trens magnéticos de altas velocidades dentro de um tubo subterrâneo e também que faremos viagens turísticas ao espaço eventualmente colonizando Marte.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos