Apple pode abandonar teclado butterfly em novos MacBooks

Wagner Wakka

A Apple pode estar finalmente abandonado seu mecanismo de teclados chamado butterfly, presente em aparelhos da empresa desde 2015. A informação vem do analista Ming-Chi Kuo, especializado em tendências da marca. A nova proposta, segundo ele, é de usar fibra de vidro nas próximas versões do notebook.

Atualmente, o sistema butterfly usa um encaixe em formato de tesoura, com duas abas que se abrem como asas de uma borboleta, por isso o nome butterfly (borboleta, em inglês).

O sistema se mostrou bastante falho e uma das maiores fraquezas de MacBooks, sendo constantes os relatos de pessoas que precisaram trocar peças com defeito em seus modelos.

O novo sistema pode contar ainda com este mecanismo em X, mas terá fibra de vidro para ajudar a reforçar a base. Para Kuo, o novo mecanismo já deve entrar no próximo modelo do MacBook Air, cuja previsão de lançamento é este ano, além do MacBook Pro de 2020. "A previsão é de que o teclado butterfly possa finalmente desaparecer a longo prazo”, aponta.

A Apple tem tentado reformular seu teclado, lançando no ano passado uma versão reforçada, mas que ainda não resolveu problemas. Assim, continuam relatos de teclas que funcionam mal, ou simplesmente param de reconhecer o toque.

Apple ainda tinha colocado membrana em seus teclados para melhorar resistência. (Foto: iFixit)

Por conta disso, a Apple também aumentou o tempo de garantia relacionado a problemas com o teclado dos MacBooks.

Para Kuo, somente a adição de fibra de vidro já pode ser uma bela mudança e reforço para o produto. Além disso, ele também acredita que a mudança pode melhorar a experiência de toque dos usuários.

Outra vantagem é que o switch atual é considerado caro de produzir, uma vez que a Apple fez um paliativo para os problemas. Assim, a nova opção também seria mais barata, mesmo que não com custo de um teclado médio.

Por fim, Kuo aponta que o próximo teclado pode ser fabricado pela Sunrex, empresa de peças de Taiwan. Com a mudança, ele chegaria um pouco mais grosso que o fino teclado atual, mas o analista aponta que “a maioria dos usuários nem notarão a diferença”.

A expectativa é de que a Apple lance duas versões de MacBook Pro, uma com 16 polegadas e outra com 13 ainda, ainda em 2019.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: