Apple pode levar 25% da produção do iPhone para Índia até 2025, diz JPMorgan

BENGALURU, Índia (Reuters) - A Apple pode produzir um em cada quatro iPhones na Índia até 2025, disseram analistas do JPMorgan nesta quarta-feira, à medida que a gigante de tecnologia transfere parte de sua fabricação da China,, em meio a crescentes tensões geopolíticas e lockdowns no país.

O JPMorgan espera que a Apple transfira cerca de 5% da produção do iPhone 14 no final de 2022 para a Índia, que é o segundo maior mercado de smartphones do mundo -- atrás apenas da China.

Os analistas do banco norte-americano também estimam que cerca de 25% de todos os produtos da empresa, incluindo Mac, iPad, Apple Watch e AirPods, sejam fabricados fora da China até 2025, ante os 5% atuais.

A Apple apostou alto na Índia desde que iniciou a montagem do iPhone no país, em 2017, por meio da Wistron e depois da Foxconn, em linha com o impulso do governo indiano para a fabricação local.

"Fornecedores taiwaneses como Hon Hai e Pegatron desempenham um papel fundamental na realocação para a Índia. No médio e longo prazo, também esperamos que a Apple qualifique fornecedores locais de manufatura da Índia", disseram analistas do JPMorgan liderados por Gokul Hariharan.

(Por Aniruddha Ghosh)