Aprenda as receitas de rabanada dos chefs Claude Troisgros, Fred Barroso e Moreno Colosimo

Rodrigo Berthone

RIO — Uma receita de rabanada pode ir muito além do tradicional modo de fazer. Ou esse modo tradicional pode ter um segredinho extra, que confira um sabor diferente à iguaria natalina. Para inspirar os leitores, O GLOBO-Barra pediu a três chefs consagrados que compartilhassem suas receitas: Claude Troisgros, Moreno Colosimo e Fred Barroso.

No ar no reality show culinário “Mestre do sabor”, da TV Globo, Troisgros, dono dos CTs Brasserie e Boucherie e ainda de Le Blond, Olympe, Chez Claude e Atelier Troisgros, ensina, claro, a versão francesa da iguaria, chamada de pain perdu.

— Geralmente ela é preparada com brioche e deve-se usar manteiga clarificada para tostar. Caso contrário, a manteiga vai queimar e você não conseguirá obter o resultado mais bonito, que é quando as bordas ficam uniformemente douradas — explica o chef.

Para um toque especial e bem brasileiro à receita, Troisgros usa cachaça na marinada. Nesta época do ano, o pain perdu também aparece no cardápio do bistrô francês Le Vin, no BarraShopping. Neste caso, de forma mais ortodoxa.

— Fazemos a sobremesa seguindo a tradição da França. A diferença (em relação à brasileira) está no uso do pão brioche e do creme pâtissière, que é a base da confeitaria francesa — explica o chef da casa, Fred Barroso.

À frente do restaurante Abelardo, no Hilton Barra, o chef Moreno Colosimo destaca que a receita, sucesso entre os frequentadores, segundo o hotel, é servida durante todo o ano, sempre que solicitada.

— O que a torna tão especial é o fato de ela ser feita no pão australiano e levar leite de coco, em vez de leite comum, além de leite condensado, geleia de frutas vermelhas e cream cheese — detalha Colosimo.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER ( OGlobo_Bairros )