Argentina confinada

O presidente argentino, Alberto Fernández, anunciou um confinamento total por nove dias, no momento em que o país ‘atravessa o pior momento da pandemia’, com um registro diário de cerca de 35 mil casos e 450 mortos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos