Argentina se isola como maior campeã da 'Finalíssima'; veja lista de seleções vencedoras

A Argentina conquistou a 'Finalíssima' pela segunda vez. Nesta quarta-feira, a albiceleste venceu a Itália por 3 a 0 na competição organizada em parceria por Uefa e Conmebol, que colocou as atuais campeãs da Eurocopa e Copa América frente a frente em Wembley, na Inglaterra. Assim, a seleção de Lionel Messi agora ocupa a dianteira entre as campeãs.

Seleção brasileira: Sem adversários da Europa, Brasil encara Coreia do Sul 'europeia'

Esta não foi a primeira 'Finalíssima'. Nas duas edições anteriores, os campeões foram França e Argentina. Em 1985, os franceses bateram o Uruguai por 2 a 0, em Paris, enquanto os argentinos levaram o troféu em 1993 depois de vitória nos pênaltis sobre a Dinamarca, por 5 a 4.

A Finalíssima não necessariamente é um novo torneio. Disputado anteriormente em duas edições (1985 e 1993), a competição reúne os campeões da Europa e da América do Sul. Inicialmente, seu nome era Copa dos Campeões Conmebol–Uefa ou Troféu Artemio Franchi, em homenagem ao ex-presidente da entidade do Velho Continente que morreu em 1983, vítima de um acidente de carro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos