Artista plástica celebra condenação de Carlinhos Maia, após ter quadro rabiscado por humorista: 'Respeito'

·1 minuto de leitura

Carlinhos Maia foi condenado a pagar R$ 30 mil a artista plástica Lau Rocha, após ter rabiscado um dos quadros da sergipana em um hotel em que estava hospedado, em 2019. A decisão é do juiz Cristiano José Macedo Costa, da 11ª Vara Cível de Aracaju.

"Quero registrar que foi feita justiça no caso da vandalização de obra de arte de minha autoria, com sentença que condenou os responsáveis ao pagamento de indenização e devolução do quadro. Embora ainda caiba recurso, essa decisão é uma vitória importante, que exalta o respeito a quem produz a arte que livra da ignorância. A quem esteve ao meu lado nessa caminhada, deixo meu agradecimento afetuoso", disse Lau, nas redes sociais.

Leia também:

Na época do ocorrido, o humorista gravou um vídeo no Instagram dizendo que tinha se assustado durante a madrugada com a "mulher sem rosto". A depredação da obra foi filmada pelo próprio marido do artista. Carlinhos foi criticado e disso que tinha autorização da dona do hotel, que também virou ré no processo.

Com o resultado da condenação, Carlinhos Maia se explicou para os seguidores.

"Galera, sobre o quadro, fica a lição para mim e todos: mesmo que a obra tenha sido comprada há anos, você não pode desenhar em cima. Mesmo com a autorização de quem pagou pelo quadro, como foi meu caso. Mais uma vez, ficam minhas desculpas". 

 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos