Assaí adere à febre de IPOs de 2021. Mais de dez empresas já lançaram ações na Bolsa

O Globo com agências internacionais
·2 minuto de leitura

RIO - O grupo francês de supermercados Casino anunciou, na noite de sexta-feira para sábado, a entrada de sua marca brasileira Assaí na Bolsa de Valores de São Paulo e na Bolsa de Valores de Nova York.

Como o Assaí, pelo menos, outra 13 empresas começaram a oferecer suas ações no pregão este ano, depois de realizarem ofertas públicas iniciais (IPOs, pela sigla em inglês). Cerca de 40 companhias já estão se preparando para buscar sócios na B3. E, se a vacinação acelerar até o fim do ano, essa fila deve crescer bastante, afirmam especialistas. A volta de estrangeiros à Bolsa e a busca dos investidores brasilerios por aplicações mais rentáveis e, consequentemente de maior risco, diante dos juros baixos aumentaram o apetite pelo mercado de ações.

No rol de estreantes na Bolsa estão empresas de diversos segmentos como CSN Mineração, Westwing, Espaçolaser, Mobly, Cruzeiro do Sul, Orizon e Focus Energia.

No caso do Assaí, a oferta de ações acontece dentro das "operações de reorganização e cisão dos ativos da GPA", subsidiária do grupo Casino no Brasil, já anunciadas, que terão início em 1º de março, segundo o comunicado.

O projeto vai aumentar a visibilidade de cada empresa nos mercados financeiros, destaca o grupo que tinha anunciado em setembro a intenção de separar a sua atividade de serviço atacadista - modelo bastante desenvolvido no Brasil - das demais atividades do grupo no país.

A marca Assaí será listada na Bolsa de Valores de São Paulo, em Novo Mercado, bem como na Bolsa de Valores de Nova York após a emissão dos certificados de depósito de ADR dos EUA (títulos reservados aos acionistas norte-americanos correspondentes à propriedade de uma ação ordinária).

A operação estratégica permitirá ao Assaí, empresa dinâmica e rentável, "dedicar-se exclusivamente à atividade prestação de serviço como atacadista no Brasil" e ao GPA se dedicar a outros formatos de distribuição, como hipermercados, supermercados e lojas de proximidade, explica Casino.

Com essa cisão, as ações do Assaí, atualmente detidas integralmente pelo GPA, serão distribuídas aos acionistas do GPA com base na paridade de uma ação do Assai para uma ação do GPA.

Ao fim da operação, o Casino terá 41,3% do capital do Assaí, o que equivale à sua taxa de participação no GPA.

A marca, especializada no atacado para pequenos lojistas e donos de restaurantes, mas que também atende a pessoas físicas que buscam preços baixos, está presente em 20 estados brasileiros.

O Brasil é líder de mercado para o grupo Casino, onde é representado desde 1999 por sua subsidiária GPA, posicionada em um modelo multiformato com marcas dedicadas e controlada pela subsidiária colombiana Éxito.