Assad diz que não teria motivo para lançar ataque químico

O presidente da Síria, Bashar al-Assad afirmou, na entrevista exclusiva concedida à agência de notícias AFP, que o ataque químico foi uma ‘história 100% montada pelo Ocidente’ como um pretexto para atacar o país. Ele também ressaltou que o regime não teria razão para lançar o ataque no momento em que o exército avança.