Associação de críticos de cinema promove duas mostras na Estácio

Regiane Jesus
·3 minuto de leitura

RIO — Doses generosas (e gratuitas) da sétima arte serão servidas no cinema João Uchoa, na sede da Universidade Estácio de Sá, no Rio Comprido. A Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro (ACCRJ) promove este mês dois eventos que unem a exibição de filmes, entre clássicos e lançamentos, a debates sobre os temas das obras e o momento cultural do país e do mundo.

Desta segunda até o dia 17 será realizada a Mostras Cariocas — Recortes de Cinema em uma Década do Olhar da ACCRJ, com a exibição de filmes ou trechos de trabalhos de cineastas como Neville D’Almeida, Ingmar Bergman e Akira Kurosawa e de astros e estrelas como Marilyn Monroe, Frank Sinatra e Paul Newman. A partir do dia 18 será a vez de conferir a mostra Melhores Filmes de 2020, com um desfile na tela dos eleitos pelos críticos da associação. O festival prossegue até o dia 28.

Presidente da ACCRJ, Ana Rodrigues exalta o desafio de realizar um projeto como este, apesar da pandemia de Covid-19, e ressalta a importância de manter viva a magia do cinema.

— Já na segunda, vamos exibir “Rio Babilônia” e em seguida teremos um debate com a presença ilustre do diretor do filme, Neville D’Almeida, que comemora 80 anos no dia 15 e estará dando início às celebrações do seu aniversário no nosso evento com um bate-papo sobre sua carreira. É uma honra recebê-lo e homenageá-lo — diz.

O entusiasmo de Ana se repete ao falar sobre a premiação dos melhores filmes de 2020.

— Fazemos esta eleição desde 2003. A diferença é que a escolha costuma ser em dezembro, e este ano foi em abril. Mas se até o Oscar atrasou, também podemos atrasar, né? (risos). O grande vencedor, “Retrato de uma jovem em chamas”, será exibido dia 18. Uma novidade este ano é que, como muitos lançamentos foram adiados, mudamos a nossa regra e incluímos na lista filmes de streaming para que se pudesse fazer um julgamento mais amplo do que chegou às telas no ano passado — observa.

Uma tradição que se mantém inalterada é a de lançar uma revista que traz todos os indicados e as respectivas críticas dos integrantes da comissão julgadora da ACCRJ.

— A revista merece fazer parte da coleção de todos os apaixonados pela sétima arte. Para adquiri-la, os interessados devem entrar em contato pelo Instagram, no perfil accrj.cinema. Nós entregamos no endereço solicitado — garante Ana.

Já os ingressos para filmes devem ser retirados no Cinema João Uchôa, uma hora antes do início de cada sessão, respeitando a ocupação máxima de 40% da capacidade da sala. O uso de máscara é obrigatório, assim como o espaçamento entre as cadeiras. Totens com álcool em gel também estarão disponibilizados para a utilização do público, conforme destaca a presidente da associação:

— Estamos tomando todos os cuidados, fazendo um grande esforço para manter a cultura acesa com total segurança. As mostras da ACCRJ são uma grande oportunidade para falarmos sobre filmes, cineastas, cinema!

A lista completa dos filmes e os dias e horários de exibição podem ser consultados no site accrj.com.br.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)