Associação de policiais rodoviários federais diz que decisão judicial se cumpre​

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A FenaPRF (Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais) disse, por meio de nota, que está acompanhando atentamente os desdobramentos das denúncias de que PRFs estariam, por ordem direta da cúpula do departamento, atuando em operações que afetam transporte de eleitores neste domingo (30).

"A Federação defende o estrito cumprimento de dever legal por parte de cada PRF e reafirma que ordem judicial não se discute, se cumpre! A FenaPRF reafirma seu compromisso com a democracia e com o Estado Democrático de Direito", afirmou.

Segundo números internos da PRF aos quais a Folha teve acesso, o órgão já tinha realizado 514 ações de fiscalização contra ônibus até as 12h35 em todo o país, descumprindo ordem do presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Alexandre de Moraes.