Astro do PSG, Messi sofre golpe ao comprar hotel de luxo na Espanha, diz jornal

·1 min de leitura


Nem tudo são flores... Jogador eleito melhor do mundo em 2021 e astro do Paris Saint-Germain, o argentino Lionel Messi acabou caindo em um golpe após comprar um imóvel em Sitges, município espanhol próximo a Barcelona. O investidor havia adquirido o hotel luxuoso sem saber que o espaço é irregular e a construção será demolida.

+ Luta contra o rebaixamento movimenta o Brasileirão... Simule a reta final

O imóvel foi comprado no período em que o jogador ainda atuava pelo Barcelona. As informações são do jornal "El Confidencial", que destaca o alto padrão do espaço. O diário aponta que Messi teria sofrido um golpe porque o ex-dono do "Hotel MiM Sitges", que custou 30 milhões de euros, cerca de R$ 192 milhões na cotação atual, já sabia que o local poderia ser demolido.

As autoridades locais apontam que o empreendimento adquirido pelo atleta do PSG está fora das legislações e das normas urbanísticas de Barcelona. O empresário Francisco Sánchez Rodríguez, dono anterior do hotel, já sabia dessas irregularidades, segundo o jornal. Ainda não há data para a derrubada do prédio.

Messi não se declarou sobre o caso. Por outro lado, ao jornal, Rodríguez livrou seu lado e disse que não existe ainda ordem de demolição - apenas confirmou que a prefeitura de Sitges declarou sentença, que está definida e não terá mais volta independentemente de quem peça.

O prédio foi construído em 2013, e ostenta 77 suítes e quartos, 300 m² de salões com luz natural e um "spa", além de uma piscina e ginásio. O hotel fica bem perto de uma região de praia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos