Astronautas da NASA fazem spacewalk para substituir antena defeituosa na ISS

·3 min de leitura

Uma antena defeituosa da Estação Espacial Internacional foi substituída, restaurando um dos canais de comunicação entre o laboratório orbital e a Terra. O procedimento foi realizado nesta quinta-feira (2) pelos astronautas Tom Marshburn e Kayla Barron, ambos da NASA, durante uma caminhada espacial de 6 horas e 32 minutos de duração.

Eles iniciaram o spacewalk às 08h15 (horário de Brasília), ativando as baterias dos trajes espaciais um pouco antes de sair pela trava de ar Quest. Após coletar as ferramentas necessárias para o trabalho, eles seguiram para suas respectivas estações de trabalho. Mashburn começou as atividades com a recuperação de uma contenção portátil de pés para se posicionar no braço robótico Canadarm2.

Enquanto isso, Barron seguiu até a Logistics Carrier-3 (ELC-3), uma plataforma na Porta 1 da estação, onde estava o novo componente para fazerem a troca. Ali, ela deixou temporariamente as ferramentas que a dupla iria precisar para a substituição e começou a preparar remoção da Antenna Subassembly (SASA), antena reserva de banda S.

Marshburn estava posicionado no Canadarm2, ficando também próximo da antena que tinha falhado — ele contou com o auxílio de Raja Chari, outro astronauta da NASA, e Matthias Maurer, da Agência Espacial Europeia (ESA), que estavam no controle do braço robótico na área interna da estação. Ele conseguiu instalar travas estabilizadoras na SASA defeituosa antes de removê-la, e a prendeu temporariamente na plataforma ELC-3.

Depois, Marshburn e Barron liberaram a unidade de substituição da plataforma, soltando-a de um revestimento térmico que a cobria. Após mover a nova antena para uma estrutura no Canadarm2, o astronauta o parafusou, moveu cabos e soltou travas para a antena poder ser movida. Em seguida, a dupla retornou ao ELC para analisar e armazenar a antena defeituosa.

Após concluir o trabalho com as antenas, os astronautas envolveram a unidade com a cobertura térmica removida anteriormente. Eles ainda seguiram com mais de uma hora de atividades, que aproveitaram para adiantar algumas tarefas que seriam feitas posteriormente. Barron soltou alguns cintos de uma unidade de bateria, e Marshburn fotografou um pino instalado em um spacewalk anterior.

A caminhada espacial foi finalizada às 14h47 com a repressurização da trava de ar Quest. Esta foi a quinta atividade extraveicular realizada por Marshburn, astronauta de 61 considerado atualmente a pessoa mais idosa que já conduziu uma caminhada espacial. Já a astronauta Kayla Barron realizou, hoje, seu primeiro spacewalk.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos