Astronautas detectam vazamento em radiador da Estação Espacial Internacional

Washington, 9 mai (EFE).- Os astronautas da Estação Espacial Internacional (ISS) descobriram um vazamento de amoníaco em um radiador da nave, um problema que já apareceu em exercícios anteriores e que a Nasa examina para encontrar uma solução, informou nesta quinta-feira a agência espacial americana.

O amoníaco é um elemento fundamental que circula através dos sistemas externos de controle térmico da estação para esfriar e manter na temperatura adequada a eletrônica e outros sistemas da estação.

Um primeiro vazamento foi detectado em 2007. Em novembro de 2012, a astronauta americana Sunita Williams e o japonês Akihiko Hoshide realizaram uma caminhada espacial para reparar a fuga de amoníaco e instalar outro radiador por temor que o original estivesse danificado pelo impacto de um meteorito.

"O vazamento aconteceu na mesma área, mas não sabemos se é o mesmo", disse a porta-voz da Nasa, Kelly Humphries, ao site especializado Space.com.

Humphries acrescentou que a tripulação da nave "não corre perigo", apesar de ser muito cedo breve para determinar se será necessária uma nova caminhada espacial. EFE