Atacante Willian Bigode vê o Fluminense competitivo na temporada 2022

·1 min de leitura

Aos 35 anos, Willian Bigode chegou ao Fluminense com a tarefa de encorpar o elenco para a temporada de 2022. Com a boa safra de jovens formados em Xerém, a diretoria tricolor priorizou a experiência na busca por reforços.

O objetivo é um só: sair do pelotão intermediário da tabela e furar a bolha hoje ocupada por Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras no topo do futebol brasileiro.

— Claro que as outras equipes se preparam também para poder vencer, a gente sabe o nível que é hoje aqui no Brasil, da dificuldade, porém, o Fluminense está construindo um grupo muito competitivo — afirmou.

São sete reforços até o momento. Três deles, Felipe Melo, Willian e Germán Cano, acima dos 30. Mario Pineida, Cristiano, David Duarte e Nathan completam o grupo de recém-chegados ao tricolor. O último, vindo do Atlético-MG, é o mais novo, com 25.

— O Abel Braga (treinador) sabe que pode contar comigo em outras posições. A que eu (mais) gosto é com mais liberdade na frente — disse.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos